Bolsonaro critica proposta do Renda Brasil e afirma que projeto está suspenso; “Não posso tirar dos pobres”

Bolsonaro criticou a proposta feita por sua equipe econômica.

Recentemente, o atual presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, criticou publicamente a proposta feita por sua equipe econômica para conseguir que o seu novo projeto seja aprovado.

Se trata do Renda Brasil, o programa de benefícios que deve substituir o famoso Bolsa Família. Diante disso, ele afirmou que por enquanto o projeto está suspenso e que não irá tirar recursos dos mais pobres para conseguir ter renda para o novo programa.

Bolsonaro proferiu suas falas durante um evento que aconteceu em Minas Gerais, nesta manhã de quarta-feira, dia 26 de agosto, ele comentou que a proposta foi discutida e que ele logo anunciou sua suspensão. Porém, que sua equipe voltaria a conversar. De acordo com o presidente, do jeito que a proposta apareceu, ela não iria ser aprovada ou enviada para o parlamento.

De acordo com canais de comunicação, como o Estadão, o atual Ministro da Economia, Paulo Guedes, comentou que para chegar no valor do benefício que Bolsonaro deseja, será necessário tirar dinheiro que seria investido na educação e na saúde. O presidente quer que o programa seja concedido no valor de 300 reais mensais, atualmente, o valor máximo do Bolsa Família é de 190 reais.

Bolsonaro disse que o melhor programa para o Brasil seria continuar com a geração de empregos. Caso o contrário, ele não conseguiria fazer milagres e o país estaria fadado ao insucesso.

Além disso, o presidente comentou sobre a prorrogação do Auxílio Emergencial e disse que o valor de 600 reais deverá ser mudado e que não deverá nem ser mais 600 ou 200 reais.

Escrito por Juliana Gomes De Souza

Colunista de notícias sobre diversos assuntos. Apaixonada por literatura e a arte da escrita. Escrevo sobre tudo que envolve o mundo do entretenimento, além de falar das principais noticias sobre o dia a dia.