Políticos com patrimônios milionários recebem auxílio emergencial do governo

Dados foram descobertos depois de cruzarem dados e CPFs dos beneficiados.

O auxílio emergencial foi uma renda em caráter de urgência para suprir as necessidades mais básicas dos trabalhadores informais brasileiros que ficaram impedidos de trabalhar no período de pandemia. Como foi um programa lançado em tempo recorde, verificou-se muitas falhas no cruzamento de dados de quem solicitou o benefício.

Dessa maneira, muitas pessoas que precisavam receber não conseguiram o benefício enquanto outras que possuem patrimônios milionários estão recebendo o auxílio.

Algumas dessas pessoas foram procuradas e descobriu-se que se tratam de ex políticos ou aspirantes à algum cargo na política, com rendas milionárias, incompatíveis com a necessidade de receber auxílio emergencial governamental.

O cruzamento de dados conseguiu verificar o nome de 136 candidatos à cargos políticos que possuem bens declarados em mais de 1 milhão de reais, como é caso do engenheiro Hélio Raimundo, ex-prefeito de Vila Boa (GO), entre 2013 e 2016, pelo PSD.

Hélio tem em seu nome vários bens registrados, como uma casa, um loteamento, uma fazenda de mais de mil hectares, quatro lotes e um veículo na garagem, que totaliza mais de 5 milhões de reais. Mesmo com todo seu capital e bens, hélio foi beneficiado pelo programa de auxílio emergencial e recebeu os R$600 reais do governo.

Além de Hélio, outros caos foram descobertos, como a servidora pública Verbena Macedo,PDT, que foi candidata à prefeitura de Estreito, no Maranhão.

Os bens de Verbena de acordo com o que foi declarado pela mesma, gira em torno de R$3,3 milhões de reais, distribuídos entre uma casa, três terrenos, dois prédios e um carro. Verbena também recebeu o benefício desde abril e quando foi procurada pela reportagem, justificou não poder falar naquele momento pois estava hospitalizada.

Segundo o ministério da cidadania, quem recebeu indevidamente o benefício terá de ressarcir os cofres públicos, além de sanções civis e penais.

 

 

 

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.